1º Torneio de Infantis e Vela Adaptada

Quarta, 01 Junho 2011 08:06
Versão para impressão

No passado fim-de-semana de 28 e 29 de Maio realizou-se o 1º Torneio de Infantis e Vela Adaptada, organizado pelo Iate Clube de Santa Cruz e apoio da Associação Regional de Vela da Madeira.

Este evento juntou na baía de Santa Cruz  os "bejamins" da vela regional na classe Optimist Infantil (crianças até aos 11 anos) e atletas com portadores de deficiência na classe Access 2.3.

Torneio Infantis e Vela AdaptadaAs condições de vento e mar foram as melhores nos dois dias, sendo que no Sábado o vento esteve constante de NNE com intensidade de 10 e rajadas até aos 15 knots, tendo-se realizado as 2 regatas previstas. No Domingo, foram realizadas as restantes 2 regatas da prova com vento Norte de menor intensidade 5-10 knots e mar chão. 

Na classe Optimist estiveram em grande destaque os dois atletas do Iate Clube de Santa Cruz, lideres do campeonato regional de Infantis : Gonçalo Vieira e Guilherme Monteiro, deixando os  atletas do Clube Naval do Funchal: Pedro Abreu e Alivar Cardoso na 3ª e 4ª Posições respectivamente. Á partida para a última regata da prova o Gonçalo Vieira estava em vantagem com duas vitórias, sendo que o Guilherme com uma vitória apenas necessitaria de vencer a última regata da competição para vencer a prova, o que acabou por acontecer, terminando ambos com 6 pontos mas com a vitória na última regata a "desempatar" na classificação final. EntregaPrémiosAccess

Ainda nos Optimist, destaque ainda para dois atletas do ICSC, Gonçalo Jesus e Diogo Câmara que fizeram a sua estreia em competição, isto após um ano em que aprenderam a velejar nas escolas de vela do Iate Clube de Santa Cruz, que nos últimos anos tão bons atletas tem conseguido formar para a vela regional. 

Nos Access 2.3, a vitória na prova foi muito disputada pelos atletas do CNF António Calaça e António Nóbrega, sendo que ambos terminaram com 2 vitórias nas 4 regatas realizadas, levando a melhor o António Calaça por 1 ponto de diferença (7 versus 6) pois obteve 2 segundos das restantes regatas enquanto que o António Nóbrega obteve um segundo e um terceiro lugar. Na terceira posição terminou Élvio Barradas, seguido por Nuno Mendonça e Mónica Mendonça todos do CNF. 

Nota final para o excelente espírito que evidenciam os atletas portadores de deficiência da classe Access, superiormente acompanhados pelos seus treinadores, que são um exemplo para todos pela sua enorme vontade de velejar e entreajuda evidenciada.

Actualizado em ( Quarta, 01 Junho 2011 09:35 )